du.CAna


19/01/2013


Secretário de Cultura, Esporte e Lazer

Matéria publicada no Correio do Pampa

19 de Janeiro de 2013

.

As três principais metas

do secretário JN Canabarro

 

.

Estamos com mil sonhos, um número igual de intenções e muita gana de realizar tanto quanto for possível, mas não vamos descuidar de tentar fazer o impossível. A primeira grande meta da nossa secretaria, por decorrência do que nos foi imposto diante das condições dos prédios públicos, vem ao encontro de dar condições a essas casas: Sala Cultural; Museu Municipal; Casa de Cultura Ivo Caggiani; Biblioteca Municipal Rui Barbosa e Centro de Cultura Casa David Canabarro, acabando com goteiras, umidades, providenciar na pintura e tornar habitáveis e com um mínimo de conforto para atender o público. A Sala Cultural está interditada.

Segunda meta: trazer de volta o Concurso Revelações e Valores Literários ao mesmo tempo em que revigoraremos o Coral Municipal, o Grupo de Dança do município e a criação da Cia. Teatral Municipal de Santana do Livramento.

Por terceira meta, entre as muitas que já estamos projetando, o projeto da Construção do Teatro Municipal de Santana do Livramento. Com base no projeto já existente para a Casa de Cultura Ivo Caggiani (Antigo Fórum & Antigo Teatro 7 de Setembro).

Mas, com certeza, o objetivo maior é colocar a Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer a disposição de nossos artistas e munícipes de um modo geral.

Pelo projeto do Governo GLAUBER & EDU são nossos objetivos de mudanças com qualidade sem o direito de errar.

Escrito por jn canabarro às 20h21
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Correio do Pampa - Espaço du'CAna 172

 

Edição 443

19 & 20 de janeiro

2013

.

.

Coluna do

JN Canabarro

publicada na página 03

do Correio do Pampa impresso.

.

.

Será que confiam em mim?

Não tem nada com trabalho, com função, com amigos ou conhecidos, mas me deu vontade de escrever sobre confiar ou não confiar nas pessoas. Algo assim como – este sujeito é competente, diz um. Aquela pessoa é cumpridora, afirma outro. Aquele parceiro é confiável, cumpridor, comentam. Aquele outro nem tanto. Sim, porque é comum as pessoas comentar sobre os outros, assim como cada qual se apresentar falando das suas qualidades. Opiniões de nós mesmos quem não tem e também opiniões sobre os outros? Todo mundo faz comentários, passa informações, dá pareceres sobres as atitudes, sobre procedimentos, comportamentos de outrem. Parece que estamos assistindo um filme que no desenrolar nos dá o perfil de cada personagem. Porém o enredo da trama não está só no que dizem, mas quando muita gente faz comentários semelhantes, passam informações que confirmam e reafirmam: - Esse cara é isso mesmo, ele faz sempre assim. Antecipando o final, já dá para se ter uma idéia de como será o encerramento da história. E quem precisa confiar, confia... Ou não.

Elefante branco...

Quem já comprou carro usado? O vendedor afirma estar lhe oferecendo o que há de melhor. E por algum tempo poderemos ter a impressão que realmente compramos um bom automóvel. Mas se o vendedor lhe disser: este carro tem o preço de um carro com ar condicionado, mas não tem o ar condicionado. O automóvel foi reformado, arrumado todinho, mas tem furos no capô, quando chove se pode perceber. Este carro tem aparência de ser econômico, mas para mantê-lo o imposto é elevado, faz poucos quilômetros por litro de combustível... Você compraria? Se lhe dessem de presente esse carro você não ficaria com a opinião de que lhe estão presenteando com um elefante branco? E você que leva a vida economizando, que sabe que tem pouco, como sustentar esse bicho?

Fotos e fotos

Estou muito inclinado em comprar uma câmera semi-profissional, ou profissional para satisfazer o meu hobby, sair por ai clicando o mundo. Já fiz muitas fotos, mas tenho certeza, das minhas melhores ainda não está a minha melhor foto, com o equipamento que tenho, dificilmente terei uma imagem que dê para se dizer: eis uma obra de arte. Recebi a visita de dois amigos, um deles meu ex-aluno, que mostraram um álbum, resultado do clic de suas objetivas, fotos lindíssimas, dignas de serem mostradas ao mundo. Mas o mais importante são os sonhos desses dois jovens, o projeto de fotografar a nossa história, os nossos costumes, paisagens e coisas das nossas raízes, a identidade da região e do povo, resquícios do que fomos, do que somos e o que nos moldará para o que seremos. Depois editar e publicar esse trabalho num livro/álbum. Rafael Caggiani e Leandro Abreu não desistam do sonho.

.

Jovens fotógrafos santanenses, verdadeiros mestres no clic.

.

Retorno ao passado

Juro que se tivesse o apito, a fumaça, o cheiro do carvão queimado, o bater do sino eu diria que voltei ao passado. Ver a plataforma lotada, os trilhos, o prédio da estação envolto na emoção, voltou a minha memória aquela ansiedade da espera do embarque para viajar no trem. Tinha muita gente, mas faltou Villa Lobos, Cleyton e Cledir, o fole da sanfona... Uns saindo, outros chegando e fica na história quem fez história. O resto é o resto...

 

.

 

Plataforma de embarque da antiga Estação Férrea de Livramento.

Escrito por jn canabarro às 19h51
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Histórico